POLICIA | CRIME

Chocou o Brasil casal mata mulher gravida para roubar o bebê
Grávida de 36 semanas é assassinada, criminosa abre barriga com estilete e rouba bebê




(Foto: Acervo Pessoal)

Um crime bárbaro foi registrado nas últimas horas na cidade de Canelinha, no estado de Santa Catarina. Flávia Godinho Mafra, grávida de 36 semanas, desapareceu na quinta-feira (27) e seu desaparecimento mobilizou várias equipes da polícia.

A vítima teria sido chamada para um chá de bebê surpresa na cidade de São João Batista, porém ela nunca chegou ao local.

De acordo com informações da Polícia Militar, a suposta amiga identificada por Rozalba que teria feito a cilada para Flávia, realizou o parto da bebê utilizando um estilete, inclusive acabou causando cortes na bebê. Após o parto, a sequestradora levou a bebê ao Hospital de Canelinha, tentando se passar pela mãe da criança. No local, junto com Rozalba estava um homem se passando pelo pai da criança.

O bebê foi encaminhado para o Hospital Infantil Joana de Gusmão em Florianópolis.

O casal foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Tijucas. Na delegacia a mulher admitiu o crime e teria dito que inventou a história do suposto chá de bebê surpresa para atrair a vítima.

Flávia foi levada para uma cerâmica desativada no bairro Galera, em Canelinha. Ao chegar no local, a autora do crime teria aproveitado um momento de distração para dar uma tijolada na cabeça de Flávia. Após o primeiro golpe, Flávia caiu e foi atingida por mais tijoladas. Na sequencia, a autora do crime abriu a barriga da vítima com o estilete e retirou o bebê.

Um detalhe que chamou a atenção é que a autora do crime chegou a compartilhar algumas postagens feitas pela cunhada de Flávia, sobre o seu desaparecimento. Inúmeras pessoas foram até as postagens compartilhadas e deixaram recados para a autora do crime.


 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM