MUNDO | EDUCAÇÃO

Idoso de 104 conclui doutorado e entrega tese na pandemia
A pandemia serviu para um idoso de 104 anos adiantar os estudos e entregar a tese de doutorado dele.




Lucio Chiquito - Foto: Reprodução Instagram @luciochiquito104

Lucio Chiquito é engenheiro de Medellín, na Colômbia e estava estudando na Universidade de Manchester, no Reino Unido.

Ele contou que foi durante o período de isolamento social que descobriu a solução que procurou durante 30 anos para um problema sobre o caudal dos rios, o volume água que passa por um determinado ponto, por um certo período de tempo.Lucio Chiquito é engenheiro de Medellín, na Colômbia e estava estudando na Universidade de Manchester, no Reino Unido.

“Dediquei-me a buscar uma metodologia que dê a resposta exata de qual é o caudal máximo de um rio que produza o maior rendimento possível”, contou Lucio à CNN.

Ele disse que começou o doutorado quando tinha 73 anos.

“Escrevi à universidade, disse que havia me graduado em Magistério de Ciência e Tecnologia e perguntei se poderia pegar um doutorado. Eles disseram: ‘Claro’”, contou.

A vida

O idoso perdeu a esposa há cinco anos e, desde então, vive na cidade de Medellín perto dos filhos e netos.

Além de bom pai e avô, Lucio é motivo de orgulho para a família: ele foi o primeiro a incluir mulheres no mundo empresarial na Colômbia.

Após entregar a tese, ele está esperando a avaliação para poder, finalmente, se graduar.

Conquistar o doutorado aos 104 anos será coroar um trabalho que ele levou tantas décadas para concluir.

Com informações da CNN


 


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM